SITES INTERESSANTES

Loading...

domingo, 17 de agosto de 2014

QUE DEUS DÊ PAZ À ALMA DO DEFUNTO....E, TAMBÉM; CONFORTO E JUÍZO À SUA FAMÍLIA. O 'VELORIOMÍCIO' DO EX-GOVERNADOR DE PERNAMBUCO FICARÁ GRAVADO NA HISTÓRIA RECENTE DO BRASIL COMO UM DOS ESPETÁCULOS MAIS GROTESCOS QUE O PAÍS JÁ TESTEMUNHOU. ALGO QUE DEVERIA SER ESTRITAMENTE PRIVADO À FAMÍLIA E AOS AMIGOS DO MORTO, SE TRANSFORMOU NESSA SORDIDEZ QUE O PAÍS TODO TEVE A TRISTEZA DE VER NAS TELINHAS. MEU DEUS DO CÉU...SERÁ QUE NINGUÉM DESSA ENLUTADA FAMÍLIA TEVE A LUCIDEZ DE SABER SEPARAR O 'PRIVADO DO PÚBLICO\ELEITOREIRO'? A AMBIÇÃO DESMEDIDA DA DIREITA BRASILEIRA DE CHEGAR AO PODER (MESMO QUE POR VIAS INDIRETAS) COMETEU MAIS UM CRIME: FORÇANDO A VIÚVA E OS FILHOS A PARTICIPAREM DESSE CARNAVAL MACABRO. A MEMÓRIA DESSE GRANDE HOMEM NÃO MERECE\CIA TANTO DESRESPEITO...NESSE MOMENTO MOMENTO DE DOR E REFLEXÃO.

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

A SORDIDEZ DO PIG: NEM EM MOMENTO DE LUTO NACIONAL A ELITE PÓdre RESPEITA A DOR DA FAMÍLIA DE EDUARDO CAMPOS

A abjeta pesquisa Datafolha sobre o espólio de Eduardo Campos. A Folha é um lixo moral.

13 de agosto de 2014 | 20:18 Autor: Fernando Brito
nojo1

O acidente que vitimou Eduardo Campos ocorreu por volta de dez horas. Sua morte foi, infelizmente, confirmada por volta do meio-dia.
Pouco depois, a alta direção do Datafolha, numa atitude abjeta e desprovida de qualquer valor moral e humano preparava, com esmero, as perguntas para registrar uma pesquisa, às pressas, para ver com quem ficaria o espólio eleitoral do morto, para ser colocada nas ruas amanhã.
Li sobre a pesquisa no blog da Maria Frô e fui conferir. O documento está lá, registrado no TSE, com suas perguntas cheias de morbidez.
Total abjeção moral e um estupidez científica, porque é óbvio que, no dia seguinte a uma tragédia que repercutiu todo o dia nos meios de comunicação, praticamente sem intervalos, nenhum resultado retrataria o cenário real, que os dias se encarregarão de trazer à normalidade, serenadas as compreensíveis e humanas comoções.
Humanas, claro, para quem é capaz de as ter, o que não parece ser o caso do board do Datafolha e da própria Folha, contratante da pesquisa por R$ 226 mil.
O objetivo deste gesto imundo, desqualificado do ponto de vista ético e do ponto de vista estatístico, é um só: tirar “cascas” da tragédia humana para mudar um processo eleitoral que as próprias pesquisas indicam como estável e relativamente sólido.
Paro, como prometi antes, por aqui com as considerações políticas.
Apenas externo minha perplexidade com esse desrespeito aos sentimentos da família, dos amigos e da sociedade brasileira, que se comoveu com a morte acidental de um homem em plena campanha presidencial.
Não esperaram sequer ser recuperado e sepultado o corpo do candidato morto.
A atitude do Datafolha, como a dos colunistas que imploram por uma candidatura Marina montada sobre a desgraça, é uma desonra para qualquer pessoa.
Não que Marina não possa ser candidata. Mas porque em tudo na vida há ritos e processos dignos para algo acontecer.
Ou não, como nos mostra a pesquisa-abutre do Datafolha.
É gente com este caráter que não admite contestação às “verdades” que diz.

COMENTÁRIOS:
  • Fátima Barcellos · Juiz de Fora
    Também fiquei estarrecida com o desrespeito e frieza da mídia e analistas.Há de se respeitar o luto e a dor de uma família.Impressão de que somos todos descartáveis!Bando de abutres!!!
    • Poliana de Cássia ·  ·  Quem mais comentou · Curitiba, Brazil
      Que absurdo. Me assustei com os comentários da GloboNews. Enquanto um jornalista informava que os bombeiros e legistas estavam procurando "partes" dos corpos, outros jornalistas discutiam a importância de Marina Silva para o segundo turno e outros jornalistas discutiam para onde iriam os votos caso o PSB retirasse a candidatura. Entendo a importância de se noticiar tragédias com amplo engajamento de toda a mídia, não entendo essa "urubuzação" em cima de Eduardo Campos. Esquecem que os 07 mortos tem família, amigos, admiradores que queriam apenas esquecer o pesadelo que é perder alguém tão novo em uma tragédia tão grosseira. Urubus.
      • Oswaldo Venudo ·  ·  Quem mais comentou · Trabalha na empresa NPS - Novo Proletariado de Serviços
        Mídia e abutres são sinônimos. Esta mês, completam-se 60 anos que ajudou um presidente a suicidar-se.
        • Maribel Dias Kroth ·  ·  Quem mais comentou · 214 seguidores
          Preocupante é ver a explosão de ódio pelas redes sociais nos sites que normalmente já não respeitam Dilma, mas isso é coisa dos neonazistas e essa elite doentia e repugnante e seus filhotinhos amestrados filhos da anta!
          • Cida Jube ·  Quem mais comentou · UEG - Universidade Estadual de GOIÁS
            Meu DEUS, o ser humano chegou ao fundo do poço, como esses abutres estão passando por cima da dor de tantas famílias para mostrar imensa satisfação pela possibilidade de um segundo turno nas eleições.
          JÁ TIVEMOS O MESMO EXEMPLO DE SORDIDEZ 
          AQUI MESMO EM MORRO DO CHAPÉU.

          1. MORRO NOTICIAS SEM CENSURA: Março 2014

            morronoticiassemcensura.blogspot.com/2014_03_01_archive.html

            25/03/2014 - HOMOFOBIA EM MORRO DO CHAPÉU: IMPRENSA MARROM (LOCAL) ... EU NUNCA VÍ TAMANHA SORDIDEZ. .... AGORA LEAM AS MANCHETES E COMENTÁRIOS DA MÍDIA MARROM DE MORRO DO CHAPÉU.

          MORTE DE EDUARDO CAMPOS: MÍDIA MAFIOSA USA UM MANJADÍSSIMO COXINHA MITÔMANO PARA MINAR A REELEIÇÃO DA PRESIDENTA DILMA

          Mitômano que descreveu cenas imaginárias do acidente de Campos foi notícia meses atrás

          Jornal GGN - O bombeiro Donizete Machado Junior que, em entrevista à Globonews, jurou ter fechado os "olhos verdes" do candidato Eduardo Campos, já esteve envolvido em casos recentes. Segundo ele, teria sido demitido da empresa Santos-Brasil depois de ter admitido ser gay - e incluído o companheiro no plano de saúde da companhia.
          Na entrevista à Globo, sobre o acidente, Donizete descreveu corpos de vítimas, inteiros, crianças queimadas, vários feridos dos prédios vizinhos sendo transportados para o hospital
          Jornal GGN
          Donizeti e Maycon são companheiros há 15 anos em Santos (Foto: LG Rodrigues/G1)
          17/04/2014 07h26 - Atualizado em 17/04/2014 10h52

          'Fui forçado a assinar', diz ex-boxeador demitido após revelar ser gay

          Confusão ocorreu quando homem incluiu companheiro no plano de saúde.
          Empresa negou que demissão esteja ligada à opção sexual do funcionário.

          LG RodriguesDo G1 Santos

           Donizeti Machado Jr. quer buscar seus direitos na
          Justiça em Santos, SP (Foto: LG Rodrigues/G1)
          O ex-boxeador Donizeti Machado Junior, de 39 anos, que estava trabalhando há menos de um mês como estivador, diz ter sido demitido por ser homossexual. Segundo o homem, o desentendimento aconteceu quando ele colocou seu companheiro como dependente no plano de saúde da empresaSantos Brasil, em Santos, no litoral de São Paulo. Segundo o empregado, um funcionário do departamento de Recursos Humanos teria dito que Donizeti poderia colocar até o nome de um cachorro, mas não o de outro homem.
          Desde 1991, o ex-boxeador vinha fazendo "bicos" para viver. Em março, conseguiu uma colocação na companhia, após passar por várias etapas de admissão. "Sempre levei a empresa muito a sério e trabalhava nela há menos de um mês, mas o tratamento mudou quando souberam da minha opção sexual", conta.
          Donizeti afirma que o problema começou na hora de assinar o plano de saúde fornecido como benefício. "Coloquei o meu companheiro como dependente no seguro de vida, mas a empresa disse que não aceitaria colocar duas pessoas que têm união estável em um plano de saúde", lembra.
          O estivador foi demitido no dia 12 de abril, quando estava em serviço a bordo de um navio. Ele foi chamado e escoltado por dois seguranças até uma sala, onde teria sido forçado a assinar os documentos para sua saída da Santos Brasil. "Me disseram que eu fugia dos padrões da empresa, que ela não poderia aceitar essa conduta, que tem um nome a zelar", explica.
          Renato Vieira Ventura é o advogado do caso
          de Donizeti (Foto: LG Rodrigues/G1)
          O homem diz que esta foi a primeira vez que sofreu preconceito por ser homossexual. "Todos os meus colegas sabiam da minha opção sexual, mas sempre respeitaram. Infelizmente, a empresa me demitiu pelo fato de eu ser homossexual. Tenho 30 cursos pela Marinha de Guerra, 23 anos no Porto de Santos e não vou deixar isso barato. Vou correr atrás da Justiça. Não quero que ocorra com outros funcionários o mesmo que aconteceu comigo", declara.
          O companheiro de Donizeti, o professor de dança Maycon Lopes Simões, afirma estar inconformado com o caso e que vai até o fim para buscar justiça. "Incrível como isso ainda existe em pleno século 21, preconceito, uma coisa tão cretina. Comigo isso nunca tinha ocorrido, sempre fui muito respeitado e achei o cúmulo uma empresa tratar um funcionário assim", destaca.
          G1 entrou em contato com a Santos Brasil, que confirmou o desligamento do portuário, mas nega a acusação de que a demissão dele esteja ligada à sua opção sexual. A empresa diz repudiar qualquer acusação de homofobia e informa que tem em seu quadro funcional profissionais com relacionamentos homoafetivos, cujos companheiros estão devidamente inclusos como dependentes no plano de saúde e em outros benefícios sociais.

          Queda de avião de Eduardo campos - FALSA TESTEMUNHA entrevistada por Burnier

          Gente, vcs querem apostar comigo que logo logo 

          esse coxinha imbecil abaixo vai postar uma foto 

          (via Face de Mademoiselle Álvaro BOTOX Dias) 

          da Presidenta Dilma atirando contra o avião de 

          Eduardo Campos?...na mente desses desmiolados; 

          tudo é possível rsss


          Agora que o BATMAN MIAMIEIRO se foi; O 

          GOLPISTA PARAGUAIO Mademoiselle Álvaro 

          BOTOX Dias é quem chefia essa turma.

          Comentários

          GRIFO DO BLOG: Esse Paulo Sérgio é mesmo um cretino de 1a grandeza...recebendo MENSALINHO de um dos Prefeitos mais bandidos que Morro do Chapéu já teve...e um sujeito desses ainda tem a cara-de-pau de falar de corrupção de Genoíno, um HOMEM ÍNTEGRO (o que não se pode dizer de BATMAN, ÁLVARO BOTOX e outros de seus heróis), um dos raros políticos brasileiros QUE NUNCA ROUBOU UM TOSTÃO DE DINHEIRO PÚBLICO.  Outro dia Dantinhas lhe deu uma regulada...mas parece que nutriu pouco efeito. Até agora, eu só vi o DANTINHAS se manifestar contra a onda de TERROR E ÓDIO que esse fascista vagabundo dissemina nas redes PSICOPATOCIAIS contra os Presidentes LULA E DILMA...e todos nós que lutamos por um BRASIL COM JUSTIÇA SOCIAL. O irônico é que alguns  autointitulados ''DONOS\PORTA-VOZES da Esquerda local'' (futuros Éricos SAMPAIOS e\ou Pedros HONORATOS da vida) são rápidos em caluniar os editores do blog MNSC e, até o presente momento; nunca os vi dar um pio sobre as tiradas fascistas desse sujeito...e o uso indevido\ilegal dos computadores da Prefeitura para essse fim. 

          Pois é, vi muita gente

          Pois é, vi muita gente reproduzindo esse depoimento macabro e ficcional... Estranhei, porque já se tinha a percepção de que os cadáveres foram queimados e despedaçados. E ele ainda disse que Eduardo Campos era seu candidato.