segunda-feira, 2 de julho de 2012

O PREÇO DA TRAIÇÃO À CAUSA PROLETÁRIA.

Segunda, 02 de Julho de 2012 - 10:54

Dois de Julho: Secretário de Segurança diz que agressão contra Wagner foi caso isolado

por Evilásio Júnior / Rodrigo Aguiar
Dois de Julho: Secretário de Segurança diz que agressão contra Wagner foi caso isolado
Foto: Max Haack/Bahia Notícias
O secretário estadual de Segurança Pública, Maurício Barbosa, disse que não houve registro de nenhum ato violento contra o governador Jaques Wagner, fora o arremesso de uma haste, que atingiu a cabeça do petista. “Graças a Deus, as manifestações foram feitas de forma pacífica”, avaliou o secretário, que esteve todo o tempo à frente da comitiva do governador durante o trajeto. De acordo com o titular, o planejamento do ano anterior foi utilizado de forma reforçada. “Cuidamos, por exemplo, para que não houvesse o encurtamento das vias de acesso”, detalhou. A segurança do governador foi feita por pelo menos três cordões de isolamento, mais homens da Polícia Militar e pessoas infiltradas.

Nenhum comentário: