sábado, 7 de janeiro de 2017

O Brasil sob a tutela da QUADRILHA do USURPADOR MyShell TEMERoso.

Operador de Serra confessa R$ 23 mi na Suíça da Odebrecht para o PSDB

O banqueiro Ronaldo Cezar Coelho confessou ter usado sua conta na Suíça para receber R$ 23 milhões da Odebrecht para a campanha presidencial de José Serra, do PSDB, em 2010; além disso, Coelho disse ter se valido da lei de repatriação de recursos para legalizar o dinheiro sujo – o que é considerado ilegal por advogados; atual chanceler do governo Michel Temer, Serra, disse que sua campanha foi financiada dentro da lei e ainda não pediu demissão; de acordo com a lei, partidos que recebem recursos eleitorais no exterior, podem ter seu registro cassado pela Justiça Eleitoral; ou seja: em tese, o PSDB pode desaparecer

Lula exalta Soares: um dos grandes homens públicos do século XX

Ricardo Stuckert/Instituto Lula:
Ex-presidente Lula recorda ter se encontrado pela última vez com o ex-presidente português, que morreu neste sábado 7, em 2014, celebrando os 40 anos da Revolução dos Cravos; para Lula, Mário Soares, "comprometido durante toda a sua vida com os ideias do socialismo democrático e a construção de um mundo mais justo", "sempre esteve, mesmo nas horas mais difíceis, do lado certo da história"

FHC reforça aliança com Temer. Vai morrer abraçado?

:
Segundo a revista Época, o Planalto quer reforçar interlocução com o ex-presidente, que chamou o governo Temer de "pinguela", para domar dissidentes tucanos e reduzir turbulência na base aliada em 2017; Michel Temer e FHC teriam marcado um encontro para discutir a relação entre PSDB e PMDB durante um telefone na véspera de Natal, quando trocaram votos de boas-festas

Jefferson Lima: Demissão de secretário ‘meio coxinha’ não basta

Lula Marques/ Agência PT:
Para ex-secretário de Juventude do governo Dilma Rousseff, o ex-secretário do governo Temer Bruno Júlio, demitido após defender "uma chacina por semana" apos matança em presídios, fez apologia ao crime e deve responder à Justiça; "As palavras usadas pelo sr. Bruno Júlio para comentar o massacre ocorrido em Manaus são apologia ao crime, e, portanto, merecem ser repudiadas politicamente e investigadas do ponto de vista judicial", diz ele

Leonardo Boff: “Papa Francisco é um dos nossos”

:
Teólogo brasileiro concedeu em entrevista à imprensa alemã, onde falou de seus conflitos ideológicos com os papas João Paulo II e Bento XVI; com o papa Francisco, Leonardo Boff ensaia uma aproximação maior com o Vaticano e revela que está próximo de um encontro com o religioso argentino, também adepto da Teologia da Libertação; "Francisco é um dos nossos. Ele transformou a teologia da libertação num bem comum da igreja. E ele a ampliou. O principal interesse dele nem é mais a igreja, muito menos o que se faz dentro da igreja, e sim a sobrevivência da humanidade, o futuro da Terra"

Temer se cala depois do segundo massacre

REUTERS/Ueslei Marcelino: <p>Presidente Michel Temer. 20/12/2016. REUTERS/Ueslei Marcelino</p>
Presidente deixou o Palácio do Jaburu por volta das 10h neste sábado 7, quando seguiu para a reunião na casa da ministra Cármen Lúcia, presidente do STF; para não chamar a atenção, usou um carro prata, sem identificação, em vez dos veículos oficiais pretos da Presidência da República, e ao sair não deu declarações; Michel Temer recebeu duras críticas por ter ficado mais de três dias em silêncio após o massacre em Manaus; sobre os 31 assassinatos em Roraima, ele divulgou uma nota; interlocutores do Planalto atribuem boa parte dos problemas de comunicação sobre a crise nos presídios ao ministro da Justiça, Alexandre de Moraes

Globo coloca ministro da Justiça na linha de tiro

:
Grupo Globo, que colocou e mantém Michel Temer no poder, por meio do golpe parlamentar de 2016, agora mira seus canhões na direção do ministro da Justiça, Alexandre de Moraes; reportagem deste sábado do jornal O Globo o coloca como mentiroso e o critica por ter negado o socorro pedido pelo governo de Roraima, antes do massacre de ontem, que matou 31 presidiários – muitos deles decapitados; Globo já exigiu de Temer que demitisse alguns de seus ministros, como Romero Jucá e Geddel Vieira Lima, e Moraes pode vir a ser o próximo; pressionado, ele apresentou um plano de segurança que prevê a construção de cinco novos presídios federais e outros 27 nos estados

Pimenta pede eleições e diz que quadrilha de Temer não pode mais governar

:
Em manifesto publicado nas redes sociais, deputado federal Paulo Pimenta afirma que o golpe provocou perda de legitimidade das instituições e pede eleições diretas na presidência da República e no Congresso; "Somente a realização de eleições diretas pode iniciar um processo de repactuação no País. A renúncia de Temer torna-se imperiosa. Temer e sua quadrilha não reúnem condições de permanecer nenhum dia à frente do governo", defende petista; depois das crises política e econômica, que derrubaram vários ministros no ano passado, o governo Temer mergulhou de vez no inferno astral com a crise do sistema penitenciário; quase 100 detentos morreram em menos de uma semana

Cai o apologista da barbárie do governo Temer

:
O secretário nacional de Juventude, Bruno Júlio, foi demitido nesta sexta-feira, depois de defender novos massacres nos presídios brasileiros; "Eu sou meio coxinha sobre isso. Sou filho de polícia, né? Tinha era que matar mais. Tinha que fazer uma chacina por semana"; afirmou; declarações de Júlio, que é secretário licenciado de Juventude do PMDB, foram consideradas inaceitáveis até para o padrão do governo Temer; para o ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo, seria uma "afronta" mantê-lo na secretaria após as declarações; nesta semana, mais de 90 presos, sob a tutela do estado foram assassinados; muitos foram decapitados e tiveram seus corações arrancados

Juristas pedem a cabeça de Moraes e o veem com as mãos sujas de sangue

Marcelo Camargo/Agência Brasil: <p>Brasília - O Presidente interino, Michel Temer, e o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, participam de reunião com os secretários de Segurança Pública de todos os Estados, no Ministério da Justiça. (Marcelo Camargo/Agência Brasil)</p>
O professor da FGV, Rafael Alcadipani, pediu a renúncia de Alexandre de Moraes, depois que ficou claro que ele mentiu sobre o pedido de ajuda feito pelo governo de Roraima – e negado pelo governo federal – antes do massacre carcerário que matou 31 presos, muitos deles decapitados; “Um ministro falta com a verdade ao vivo. É desmentido pelos documentos. Perdeu completamente as condições de ocupar o cargo. Tem que ser exonerado ou renunciar”, afirma; já o Procurador do Estado de São Paulo Márcio Sotelo Felippe, afirmou que a mentira do ministro que negou ajuda aos presos o torna responsável político pelas mortes; “Depois dessa é o responsável político e moral por esses mortos. Ninguém com as mãos assim sujas de sangue pode ser ministro”
Lula Marques/ Agência PT: <p>Brasília- DF 01-07-2015- Vice-Presidente Michel Temer, Eduarado Cunha, Renan Calheiros, Presidente do PT, Rui Falcão durante posse da presidente do PCdoB, Luciana Santos. Foto: Lula Marques/ Agência PT</p>
"O advogado Renato Oliveira Ramos, “ligado à Casa Civil da Presidência da República” ( leia-se: Eliseu Padilha, o Primo) esteve duas vezes em visita a Eduardo Cunha na prisão, em Curitiba", diz Fernando Brito, editor do Tijolaço; "É simplesmente escandaloso que isso esteja passando nas barbas da imprensa brasileira, até porque os primeiros “ganchos” que Cunha soltou, se cravaram firmemente na verdade e levaram à exoneração de seu amigo e cúmplice político José Yunes, da cozinha presidencial"
:
Através das redes sociais, o governador Flávio Dino (PCdoB) reagiu a ataques desferidos por meios de comunicação ligados ao grupo do ex-presidente José Sarney; “Vão passar quatro anos assim, agredindo para ver seu eu chamo para uma conversa. Não chamarei. Fui eleito para deixar o coronelismo no passado”, disse; ao que parece, a perda de regalias pelo grupo Sarney, caso de benefícios ligados a empresas e empresários, tem deixado a oligarquia assustada
:
Jornalista Florestan Fernandes Júnior comenta as declarações de Bruno Júlio, ex-secretário de Juventude de Temer: "Pasmem: ele, que poderia estar preso por agressão, comemorou a decapitação de presos em Roraima e Manaus"; "Denunciado por agressão física contra ex-mulheres, Bruno Júlio jamais seria indicado para ser Secretário Nacional de Juventude num governo sério e democrático. Mas como esse governo não é nem uma coisa, nem outra, ele foi", afirma

MÍDIA

Tijolaço: Dinheiro da Odebrecht para Serra já está “limpinho e cheiroso”

: <p>José Serra e Ronaldo Cézar Coelho</p>
Jornalista Fernando Brito lembra que Serra recebeu R$ 23 milhões da Odebrecht por meio do advogado Ronaldo Cesar Coelho, que agora “repatriou” o dinheiro sujo - que nem para o Brasil veio; "E está tudo tão bem que o advogado de Ronaldo não se constrange em contar o roteiro do dinheiro da empreiteira. Pode isso, não é, Ronaldo? A regra é clara: para o Ronaldo e para o Serra, pode"

:
Bruno Júlio, ex-secretário de Juventude nomeado por Temer, que caiu após defender massacres nas prisões, já foi denunciado por agressão a mulheres; "Cuidado, secretário. Quem acha que nada é razão para chacinar alguém o defenderia, se o senhor tivesse ido parar lá dentro por estas acusações. Aqui, ninguém gostaria de vê-lo decapitado", diz Fernando Brito, editor do Tijolaço, para quem Júlio poderia estar preso

Nenhum comentário: